A Paraíba o tempo todo  |

Advogado do motorista suspeito de atropelar e matar motoboy na capital abandona defesa

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O escritório de advocacia então responsável pela defesa de Ruan Macário, motorista suspeito de atropelar e matar o motoboy Kelton Marques registrado no Retão de Manaíra, em João Pessoa, informou que não é mais responsável pela defesa do caso.

A companhia informou que a saída se dá por “incompatibilidade de pensamento” e “inconsistência técnica”.

A morte de Kelton aconteceu no último dia 11 de setembro. O veículo supostamente conduzido por Ruan estava há 163 km/h no momento em que bateu na vítima. Tamanho impacto, o carro e a motocicleta foram destruídos.

Vale ressaltar que o suspeito, que tem mandado de prisão decretado por homícidio, tem novo advogado: Genival Veloso. Ruan tem um mandado de prisão preventiva em vigor. A ordem foi expedida no dia 13 de setembro, pela 3ª Vara Criminal de João Pessoa, no Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB).

Da Redação

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe