Por pbagora.com.br

Um adolescente de 14 anos foi baleado durante uma ação da Polícia Civil, realizada nesta quarta-feira (21), no bairro Três Irmãs, em Campina Grande. Segundo a polícia, ele estava acompanhado de um borracheiro, que era alvo de quatro mandados de prisão, quando teria tentado fugir dos policiais e foi atingido pelos disparos.

O pai do garoto contou à equipe de reportagem da TV Paraíba, que o carro da família estava com um pneu furado. Por isso, a vítima foi em busca do profissional para consertar o veículo.

Quando ele estava acompanhado do borracheiro, dois policiais civis desceram de um carro para cumprir os mandados de prisão. Assustado com a abordagem, o garoto teria tentado fugir do local e entrou em uma casa.

Ele foi perseguido e quando chegou ao quintal da residência, lutou com um dos policiais. Segundo o delegado André Rabelo, superintendente da Polícia Civil de Campina Grande, o policial teria caído no chão durante o confronto e efetuado “dois ou três disparos” contra as pernas do garoto para impedir que ele continuasse a fuga.

O rapaz foi socorrido e levado para o Hospital de Emergência de Trauma de Campina Grande. De acordo com a unidade, ele passou por uma cirurgia e o estado de saúde dele é estável.

O adolescente é aluno de uma escolinha de futebol. A equipe médica que o atendeu disse que ainda não é possível afirmar se ele poderá voltar a praticar o esporte, já que os tiros causaram uma fratura exposta na perna direita dele.

Também conforme o delegado, o adolescente pode responder por atos infracionais referentes aos crimes de desacato, resistência à prisão e lesão corporal contra o policial, que passou por atendimento médico no Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) da cidade.

O delegado ainda disse que a família do adolescente será ouvida na manhã da quinta-feira (21). Ele explicou que a ação foi legal, mas que se existiu algum excesso a situação será investigada.

O borracheiro, alvo dos mandados de prisão, foi encaminhado para ao presídio do Serrotão. Ele é suspeito de tráfico de drogas e receptação de produtos roubados.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Filho é o principal suspeito do assassinato dos pais em Pedras de Fogo

A morte brutal de dois idosos chocou os moradores da Zona Rural de Pedras de Fogo na manhã desta terça-feira (1). Dois idosos foram encontrados mortos com golpes de faca.…

Testemunhas relatam em depoimento à polícia que foram importunadas por Beto Freitas no Carrefour

Clientes do Carrefour disseram à Polícia Civil que foram importunadas dentro do supermercado por Beto Freitas, 40 anos, espancado até a morte no local. Segundo os relatos das testemunhas, as…