Um homem foi preso no município de Bayeux, Região Metropolitana de João Pessoa, acusado de assassinato. De acordo com a polícia, o suspeito teria 'confessado' o crime através de um aplicativo de mensagens.

O crime teria ocorrido no município de Tabira, Sertão de Pernambuco e vitimou fatamente um comerciante. Ele foi preso através de mandado de prisão em aberto durante operação envolvendo a Polícia Militar e a Polícia Civil.

O suspeito foi identificado como sendo Cristiano da Silva Ribeiro, de 40 anos. Através do Whatsapp, a polícia afirma que ele confessou ter matado um comerciante de 50 anos com uma facada, no final de janeiro. Na delegacia, o acusado disse que agiu em legítima defesa, porque ele supostamente já havia levado duas facadas da vítima.

""

Após a prisão, no celular de Cristiano, a Polícia Militar encontrou uma conversa onde ele confirma o homicídio. "Foi esse bicho aí / que matei / Ele deu duas facadas em mim / Eu só dei uma", dizem as mensagens enviadas por Cristiano, que veio morar na Paraíba, segundo ele, a procura de trabalho.

O acusado foi levado para a 5ª Delegacia Distrital, também em Bayeux.

 

PB Agora

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Menor infrator tem internação mantida por ameaçar pessoas com armas brancas, em Cuitegi

Por unanimidade e em harmonia com o parecer do Ministério Público, a Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba negou provimento ao recurso apresentado em favor de um menor…

Polícia desarticula ponto de venda de drogas que era comandado por uma mulher, em JP

A Polícia Militar desarticulou um ponto de venda de drogas que era comandado por uma mulher, nessa sexta-feira (20), no bairro de Mandacaru, em João Pessoa. No local, foi apreendido…