Por pbagora.com.br

A Câmara de Vereadores de Nova Olinda, no Sertão paraibano, na Sessão de sábado último (26), seguiu parecer (favorável) do TCE-PB (Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, e aprovou, por unanimidade, a prestação de contas da ex-prefeita Maria do Carmo Silva (foto), referente ao ano de 2016.

Pouco antes da decisão da Corte, o vereador Luiz Júnior havia pedido vistas do processo, segundo a assessoria da ex-prefeita, mas o problema veio a ser resolvido, em definitiva, no sábado, por maioria de votos (placar de 6 x 3). Durante a votação da matéria, dezenas de pessoas lotaram as galerias da Câmara, que, a exemplo dos vereadores que referendaram o parecer do tribunal, não economizaram elogios à Ducarmo – que, em dois mandatos de prefeita, não teve uma conta, sequer, reprovado pelo mesmo. O próprio presidente do Poder, vereador Biu de Ramos, foi à tribuna, para exaltar valores de ordem ética e moral que, segundo ele, forjaram a formação política da ex-prefeita.

Ducarmo, por sua vez, em companhia do prefeito Diogo Rosas (PSDB), também fez auso da tribuna da Câmara, e, agradecendo as graças de Deus – como religiosa, que é -, expressou o sentimento afetivo que nutre por Nova Olinda e pela população, também ressaltando o senso de justiça que norteou, tanto o TCE-PB, como os vereadores, pelo desfecho que se verificou, na Sessão de sábado último.

Notícias relacionadas

Justiça mantém proibida a realização de cerimônias religiosas presenciais na PB

O Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) rejeitou mandado de segurança impetrado pelo deputado estadual Jutay Menezes (Republicanos) que tentava a liberação de celebrações religiosas presenciais. A decisão foi do…

Supermercado é interditado em JP por descumprir decreto municipal

A Vigilância Sanitária interditou neste sábado (27), em Super Mercado, situado no Bairro dos Estados, em João Pessoa, por descumprir o Decreto Municipal com medidas contra a Covid-19. A fiscalização…