Por pbagora.com.br

Confira uma lista com obras indicadas para criar afinidade com as disciplinas curriculares

Nesse período de isolamento social, estudantes precisam buscar meios alternativos para manter a rotina de estudos. Aprender as matérias acadêmicas fora da sala de aula é um desafio grande, mas com o auxílio da tecnologia, é possível manter o foco. Vídeos no Youtube, filmes em plataformas de streamings, podcasts e visitas a museus virtuais são ferramentas que possibilitam auxílio para o ensino de diversos assuntos.

Os estudantes da educação básica, por exemplo, podem aprender História com a ajuda de um guia, em visitas virtuais aos museus do Brasil e de outros países. Para aprender História do Brasil uma visita virtual ao Museu da República é uma forma interessante para aprender o assunto por meio de uma nova abordagem da disciplina.

Além disso, para os amantes de filme, as obras podem ser aliadas para quem deseja aprender de forma espontânea, sem ser pressionado para memorizar datas, contextos ou períodos. Por isso, separamos uma lista com filmes indicados para criar afinidade com as disciplinas curriculares sem cair na monotonia.

Filmes de História:
Independência ou Morte
A Missão
Netto Perde Sua Alma
Gaijin: Os Caminhos da Liberdade

Filmes de Matemática:
PI
Enigmas de um Crime
O Contador
Está nos números

Filmes de Química:
Reaction
Erin Brockovich – Uma Mulher de Talento
Epidemia
Blade Runner – O Caçador de Androides

Para complementar a leitura dos assuntos, o Guia Enem possui uma vasta lista de conteúdos que caem no Exame Nacional do Ensino Médio, além de ser uma ferramenta a mais para somar no aprendizado.

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PMCG  transfere ponto facultativo desta quarta para sexta-feira, dia 30

Prefeito diz tratar-se de uma solução mais pragmática e mais um gesto de atenção aos servidores O prefeito Romero Rodrigues decidiu transferir para a próxima sexta-feira, 30, o ponto facultativo…

Fundac altera cronograma do concurso para contratação de 400 agentes

O concurso público para o preenchimento de 400 vagas de agentes socioeducativos da Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente “Alice de Almeida” (Fundac) foi retomado em agosto e…