O silêncio do cemitério quebrado pela ação dos vândalos. O lugar do último repouso, virou alvo da ação dos marginais que tem depredado túmulos e jazigos no cemitério Nossa Senhora do Carmo no bairro do Monte Santo em Campina Grande, o maior da cidade.

Familiares e visitantes do cemitério do bairro do Monte Santo, estão denunciando furtos frequentes de peças e acessórios dos túmulos e até assaltos a mão armada no local. Em um dos casos, bandidos renderam pessoas que estavam acompanhando um enterro.

Nos túmulos as peças que são furtadas geralmente são feitas de cobre e bronze. São argolas, puxadores, letreiros e até imagens. Em um dos casos, criminosos serraram os braços de uma imagem de Jesus Cristo crucificado.

O administrador do cemitério, José Fernando, disse que a segurança no local é feita por dois vigilantes, mas, como o local é muito grande, eles não conseguem dar contar de todo o espaço. A Polícia Militar também faz rondas, porém apenas na ao redor do cemitério.

No ano passado os vândalos depredaram m e furtaram redomas de túmulos no mesmo Cemitério. A violência acaba alterando a rotina dos visitantes que mudam seu horário de visita para o período da manhã por acreditar ser mais seguro. E os trabalhadores seguem com medo.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Internos do Lar do Garoto são recapturados após fuga, no Agreste da PB

Seis dos 10 internos que fugiram do Centro Educacional Lar do Garoto, na cidade Lagoa Seca, no Agreste paraibano, na noite desta sexta-feira (13), foram recapturados pela Polícia Militar. A…

Estudantes participam do Dia de Mobilização Escolar neste sábado

A Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia (SEECT) realiza, neste sábado (14), o Dia de Mobilização Escolar, uma ação que envolve ‘aulões’, oficinas e simulados destinada…