Por pbagora.com.br

O Tribunal de Justiça da Paraíba decidiu, no final da tarde desta quarta-feira, por ampla maioria dos votos, derrubar a liminar concedida pelo juiz convocado Fábio Leandro, proibindo o Estado de cortar o ponto dos delegados de polícia em greve.

Durante a votação, o relator do processo, desembargador Manoel Monteiro, teve voto vencido pela ampla maioria dos colegas. Na prática, a corte acolheu o agravo interno do Estado da Paraíba, cassando os efeitos da liminar concedida pelo juiz convocado Fábio Leandro, nos autos de mandato de segurança impetrado pelos delegados de polícia contra atos dos secretários Eitel Santiago (Segurança e Defesa Social) e Gustavo Nogueira (Administração).

A partir da decisão do TJ nesta quarta-feira, o Governo do Estado está autorizado a aplicar o corte de ponto dos delegados que se ausentarem dos seus serviços.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PMJP libera eventos em teatros, arenas, auditórios e ginásios a partir do dia 6

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP anunciou, nesta sexta-feira, mais uma etapa de flexibilização. De acordo com o prefeito Luciano Cartaxo, os eventos em teatros, auditórios, arenas e ginásios semiabertos…

Fiocruz insere JP entre as capitais com 95% de chances de aumento de casos de covid-19 em novembro

O Boletim InfoGripe, realizado pela Fiocruz,  mostra que João Pessoa e mais nove capitais brasileiras apresentam sinal de crescimento moderado na tendência de longo prazo (seis semanas) de casos de…