A Paraíba o tempo todo  |

Trecho da BR-230 será liberado nesta sexta-feira após conclusão de obras do canal Acauã-Araçagi

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O trecho da BR-230, no quilômetro 78, será liberado na tarde desta sexta-feira (18), após a conclusão de obras do Sistema Adutor das Vertentes Litorâneas da Paraíba Canal Acauã-Araçagi, que cruza a rodovia. Nesta quinta-feira (17), foram concluídas a pintura das faixas da sinalização horizontal da pista, plantio de grama no canteiro central, limpeza e readequação dos tapumes.

Foi construída no local, uma galeria subterrânea tripla de concreto armado com aproximadamente 100 metros de comprimento e dentro funcionará três sifões em aço, que interligarão os dois trechos do canal. A interdição ocorreu no início de 2020 em virtude do corte na BR, onde foram construídas duas alças de acesso, para o desvio do trânsito de João Pessoa a Campina Grande e vice-versa.

Segundo o secretário de Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, Deusdete Quairoga, desde o início dessa parte da obra, o trânsito flui normalmente na rodovia, operando nos dois sentidos pelos desvios construídos, sem causar nenhum transtorno à população e sem registros de reclamações. A obra do canal ocorre dentro da normalidade, e já foram feitos testes com água no lote 1, em janeiro deste ano, com 98 por cento executado. Já o lote 2, que também está em execução, conta com percentual de 74 por cento efetuado.

A obra do Sistema Adutor das Vertentes Litorâneas da Paraíba Canal Acauã-Araçagi está sendo realizada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente (Seirhma), com investimentos federal e estadual, no valor total de R$ 1 bilhão e 42 milhões.

O canal Acauã-Araçagi é a maior obra hídrica do Estado da Paraíba. Terá 130,44 km, levando água do açude de Acauã até o rio Camaratuba, cortando vários municípios, o que possibilitará cerca de 16 mil hectares de irrigação, contribuindo para o crescimento e o desenvolvimento da região; beneficiando mais de 600 mil habitantes de 38 municípios.

Secom
Fotos: Clovis Porciuncula

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe