A Primeira Câmara Deliberativa do Tribunal de Contas do Estado mandou o atual prefeito de Catingueira, José Edvan Félix, devolver a importância de R$ 184,5 mil por excesso de custo em obras executadas durante sua primeira gestão, em 2006. O gestor também foi multado em R$ 2.805,10 de acordo com parecer do conselheiro Fábio Nogueira, relator do processo, aprovado em plenário.

Ainda na sessão desta quinta-feira (12/03/09), a Primeira Câmara multou em R$ 2.805,10 o ex-prefeito de São José dos Cordeiros, Paulo Romero Medeiros, por irregularidades na aquisição de combustíveis durante sua gestão. O processo teve como relator o conselheiro José Marques Mariz, também presidente da Primeira Câmara.

Ex-dirigentes de órgãos governamentais também foram multados por irregularidades em suas gestões. O ex-superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Paulo José Souto, terá que pagar multa de R$ 2.805,10 por ter feito um realinhamento de preços em contrato sem precisão no mesmo, conforme relatoria do auditor substituto de conselheiro, Umberto Porto.

O ex-presidente Edvan Pereira Leite e o ex-diretor Ricardo Cabral Leal, ambos da Cagepa, foram multados em R$ 1 mil por irregularidades em processo de dispensa de licitação para execução obras de melhoria do sistema de abastecimento d’água do município de Santa Cruz.
 

Assessoria

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Desembargador determina novas buscas e apreensões no caso da Operação Calvário

O desembargador Ricardo Vital de Almeida determinou a expedição de novo mandado de busca e apreensão, com afastamento de sigilo telemático, no bojo da Operação Calvário, com a finalidade de…

Jovem com tornozeleira é flagrado com 3 kg de drogas no Sertão

A Polícia Militar apreendeu 3kg de maconha com um suspeito de atuar no tráfico de drogas no bairro Santa Clara, na cidade de Patos, no Sertão da Paraíba. Essa é…