A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) vai ter as contas de 2005 examinadas pelo Tribunal de Contas do Estado, na sessão plenária desta quarta-feira (11). Assinadas pela gestora Marlene Alves Sousa Luna, elas constituem processo sob relatoria do conselheiro José Marques Mariz.
 

Remanescentes da quarta-feira passada, quando sofreu pedido de vista do conselheiro Flávio Sátiro, retornam à pauta do TCE as contas de 2006 da Prefeitura de Guarabira assinadas por dois gestores.

Fátima Paulino responde pelos períodos de 1º de janeiro a 24 de junho e, ainda, de 6 de agosto a 31 de dezembro. O segundo gestor, José Agostinho Souza de Almeida, responsabiliza-se pelos períodos de 26 de junho a 15 de julho e, também, de 20 de julho a 5 de agosto. É relator deste processo o auditor Marcos Costa.

 

A pauta desta quarta-feira ainda contém as prestações de contas de 2005 do secretário de Educação e Cultura Neroaldo Pontes de Azevedo e as dos prefeitos de Mulungu (José Leonel de Moura) e Capim (Euclides Sérgio de Lima). Por fim, as do ex-prefeito de Mari (Marcos Aurélio Paiva), relativas ao exercício de 2006.

 

O Tribunal ainda verificará as contas de 2006 da Câmara Municipal de Bayeux e as da Câmara de Araruna referentes, neste último caso, ao exercício de 2007. A sessão plenária será conduzida pelo vice-presidente Fernando Catão, em virtude de viagem do presidente da Corte, conselheiro Nominando Diniz, a Brasília e Cuiabá.
 

 

TCE

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Concurso para Procuradoria do Estado terá 12 vagas e edital deve sair em novembro

O concurso público da Procuradoria-Geral do Estado da Paraíba terá 12 vagas para o cargo de procurador. A informação foi revelada pelo procurador-geral do Estado, Fábio Andrade Medeiros. Fábio Andrade…

Perigo em duas rodas: MPPB defende aumento da fiscalização pelos órgãos para evitar acidentes

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) tem procurado reunir os órgãos responsáveis pelo trânsito na Paraíba com o intuito de implementar ações que possam reduzir o alarmante número de acidentes…