Em decisão monocrática nesta segunda-feira (16), o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Tóffoli, suspendeu a decisão do Tribunal de Justiça da Paraíba que travou tramitação da Reforma da PBPrev na ALPB e liberou a urgência urgentíssima para a apreciação da matéria no âmbito estadual.

Com essa decisão, a Assembleia Legislativa da Paraíba retoma a liberdade de apreciar a Reforma da Previdência Estadual a qualquer momento.

Ainda nesta segunda-feira (16), o presidente Adriano Galdino (PSB) havia se pronunciado ao afirmar que só colocaria a matéria em pauta após a decisão do Supremo.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Disputa em Pedras de Fogo: Manoel Jr diz que atende apelo de amigos

Manoel Junior transfere domicílio eleitoral para Pedras de Fogo O vice-prefeito de João Pessoa e presidente estadual do Solidariedade, Manoel Junior, transferiu seu domicilio eleitoral para Pedras de Fogo, sua…

Ação da polícia prende acusado de homicídio em Patos, nesta 6ª

A Polícia Militar capturou, na manhã desta sexta-feira (3), um homem acusado de crime de homicídio. A ação aconteceu no município de Patos, no sertão do estado. A prisão foi…