Sinfônica da Paraíba faz o último concerto de 2010 com Beatles, Ravel e Tchaikovsky

Sob as regências dos maestros Marcus Arakaki e Luiz Carlos Durier e a participação dos corais da OSPB e Unipê, Concerto de Encerramento acontece nesta quinta (09/12) no Bangüê

A Orquestra Sinfônica da Paraíba (OSPB) realiza nesta quinta-feira (09/12), às 20h30, no palco do cine-teatro Bangüê, no Espaço Cultural, o Concerto Oficial de Encerramento da Temporada 2010. A apresentação, que integra a Noite da Cultura 2010, reúne, além dos músicos da orquestra, os corais da OSPB e Unipê, sobre um repertório que foge do trivial natalino e aposta na conjunção do erudito e do popular, com composições dos Beatles, Ravel e Tchaikovsky.

A regência do concerto será do maestro-titular da OSPB, Marcos Arakaki, e do maestro-titular da Sinfônica Jovem, Luiz Carlos Durier. A regência dos corais será do maestro João Alberto Gurgel.

A primeira parte da apresentação será formada por peças eruditas, incluindo “1812”, de Tchaikovsky, e o famosíssimo “Bolero”, de Ravel. Na segunda parte, os corais entram em cena dar um carisma mais pop à apresentação, com um pot-pourri com músicas dos Beatles – para lembrar os 30 anos de morte de Lennon – e composições new age.

SERVIÇO

Concerto Orquestra Sinfônica da Paraíba

Quando: Quinta-feira (09/12), às 20h30.

Onde: Cine-teatro Bangüê (Espaço Cultural José Lins do Rego, R. Abdias Gomes de Almeida, 800, Tambauzinho, João Pessoa – tel.: 3211.6281).

Quanto: Gratuito

 

Assessoria

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Deputado do PSL/PB quer liberação jogo do bicho: “Legalizar o que já existe”

O jogo do bicho é proibido pela lei brasileira número 3.688 e considerado contravenção juntamente com jogos de azar, atividade de cassino e exploração não autorizada de loteria. Apesar da…

Opinião: acerca do golpe, da história e sobre o sexo dos anjos

A história é cruel e implacável! Não há mentira nem farsa que sobreviva ao efeito corrosivo da história. Mentira nenhuma se sustenta ao longo do tempo, de modo que mais…