Por pbagora.com.br

“A oferta do Ministério da Saúde foi essencial” a frase é do secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros sobre a recente iniciativa do referido ministério de encaminhar respiradores e insumos para o enfrentamento à covid-19 ao estado.

De acordo com Geraldo neste sentido não há o que reclamara sobre a atuação do governo federal para com a Paraíba.

“A oferta do Ministério da Saúde foi essencial, de respiradores e insumos, não temos do que reclamar do Governo Federal. Essa opinião minha é consistente, como secretário de saúde do estado quero dizer que não temos do que reclamar da oferta de insumos e equipamentos e toda uma logística que foi montada, principalmente desse pico que foi altíssimo, mas fez com que o estado da Paraíba não entrasse em colapso”, relatou.

Na luta contra a covid-19 a Paraíba encerrou a semana com a maior redução de mortes pela doença no Brasil, na média móvel dos últimos 7 dias, e como o estado que mais vacina contra a covid no Nordeste e em 3º lugar, no país.

PB Agora

Notícias relacionadas

Dinho apresenta projeto para dar nome do jornalista Eduardo Carneiro à praça de JP

O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, vereador Dinho Dowsley (Avante), apresentou nesta sexta-feira (7) projeto de lei que presta homenagem ao jornalista Eduardo Carneiro. O nome dele será…

VLTs não vão funcionar no trecho entre Cabedelo e Mandacaru, neste sábado, 8

A CBTU João Pessoa comunicou nesta sexta-feira (07) que devido aos serviços de instalação de um Aparelho de Mudança de Via (AMV), no recém construído desvio ferroviário localizado nas mediações…