A Paraíba o tempo todo  |

Renato Mendes é investigado por suposto ‘rombo’ de R$ 3 mi à previdência de Alhandra

O ex-prefeito de Alhandra, Renato Mendes, está sendo investigado por supostamente ter causado um prejuízo de cerca de R$ 3 milhões ao município por não ter recolhido contribuições previdenciárias. A representação contra o ex-gestor foi feita por uma auditora fiscal da Receita Federal.

De acordo com a denúncia, o “rombo”, no valor exato de R$ 2.976.962,43, ocorreu porque Renato não teria recolhido, no prazo adequado, as contribuições sociais destinadas à Previdência Social, incidentes sobre as remunerações omissas da Guia de Recolhimento do FGTS, o que gerou pagamento de juros e multas.

O inquérito civil foi aberto pela promotora Ilcléia Cruz de Souza Neves Mouzalas e vai investigar os fatos. Se confirmados, configuram improbidade administrativa.

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      12
      Compartilhe