O vereador Márcio Melo Rodrigues, de Campina Grande, manifestou hoje a sua preocupação com a constante queda no nível da água no açude Epitácio Pessoa, o Boqueirão. Hoje o reservatório está com apenas 21,47 por cento de sua capacidade e com a suspensão no bombeamento das águas do Rio São Francisco desde o último mês de fevereiro e sem perspectivas de retorno por inúmeros problemas é de se temer a volta do racionamento do produto até o final do ano.

O vereador que é primeiro secretário na Câmara Municipal afirmou que está preocupado com o problema do abastecimento do açude pelas águas do Projeto da Transposição do São Francisco, com inúmeras paralisações nas operações do sistema.

Ele afirma que é lamentável que a Paraíba ainda enfrente esse fantasma da falta de água no Açude de Boqueirão. Foi investido muito dinheiro no Projeto da Transposição, mas por motivos alheios ao entendimento o sistema simplesmente está parado, sem perspectivas de que volte a abastecer Campina Grande e mais 18 municípios. Inclusive, várias localidades da região do Compartimento da Borborema estão sofrendo com a falta de água. Até o momento apenas promessas não cumpridas tem sido feitas pelas autoridades, sem que algo de concreto tenha sido adotado por quem de direito.

O Açude de Boqueirão que abastece Campina Grande e várias cidades do Compartimento da Borborema se encontra com 21,47 por cento, com volume atual que é de 100.181.011 metros cúbicos da capacidade máxima de 466.525.964 metros cúbicos, conforme a AESA, e não há perspectivas de chuvas na região que venham a contribuir para contemplar o reservatório.

Segundo apurou a Imprensa a suspensão ocorreu no dia 22 de fevereiro por conta de um problema na barragem de Cacimba Nova, no município de Custódia (PE), vizinho a Monteiro. Agricultores e moradores da cidade denunciaram o caso, que passou a ser apontado como causador de inúmeras rachaduras em placas dos canais. E agora por um problema num dos reservatórios, conforme o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR).

Considera oportuno o gerenciamento do manancial de Epitácio Pessoa (Açude de Boqueirão) vindo a garantir o sistema de segurança hídrica para Campina Grande e demais Municípios que recebem suas águas.

A população da Paraíba pode conferir no site do Governo do Estado (AESA) a situação crítica dos reservatórios no seguinte endereço: http://www.aesa.pb.gov.br/aesa-website/monitoramento/volume-mensal/?tipo=anterior

Fonte: CMCG

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mais de 59% dos trabalhadores na Paraíba estão na informalidade

Mais de 59% dos trabalhadores no estado da Paraíba estão em ocupações informais. Pelo menos é o que aponta os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADc),…

Assembleia vai ao CNJ contra enquadramento de parlamentar paraibano

Após a juíza Flávia da Costa Lins Cavalcanti, da 1ª Vara da Fazenda Pública da Capital por conta da sua decisão em suspender a carência de 20 minutos na cobrança…