O Governo da Paraíba realizará no próximo dia 29 de março, um domingo, em João Pessoa e Campina Grande, a aplicação da prova objetiva e da prova discursiva do Concurso Público para a Secretaria da Segurança e Defesa Social. Estão sendo oferecidas 1.162 vagas, sendo 909 para nível superior e 253 para nível médio. Os salários variam de R$ 1.231,20 (motorista) a R$ 4.822,54 (delegado de polícia). As provas para o nível superior terão duração de 5 horas e vão ser aplicadas a partir das 8 horas. Já as provas para os cargos de nível médio terão a mesma duração de 5 horas e ocorrerão a partir das 15 horas do dia 29.
Os locais e horários das provas objetivas foram publicados no Diário Oficial, edição de quinta-feira (19), e no portal de notícias do Governo do Estado www.paraiba.pb.gov.br, além do site www.cespe.unb.br. O Concurso é elaborado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos Universidade de Brasília (CESPE/UnB).

De acordo com o Edital publicado no Diário Oficial do Estado, as provas serão realizadas em cinquenta e sete endereços. Na capital os candidatos farão as provas no Liceu Paraibano, Sesquicentenário, Olivina Olívia, Instituto de Educação da Paraíba, Escola Estadual Professor Luiz Gonzaga Burity, Escola Estadual Professora Maria Geny, UNIPÊ, e Colégio GEO. Em Campina Grande o concurso será realizado nas escolas estaduais Argemiro Figueiredo, Monte Carmelo, Raul Córdula, Elpídio de Almeida, e Anésio Leão.

O Concurso Público, no âmbito da Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social do Estado da Paraíba, oferece vagas para o Nível Superior nos Cargos Efetivos de Delegado de Polícia, Perito Oficial Criminal, Perito Oficial Médico-Legal, Perito Oficial Odonto-Legal e Perito Oficial Químico Legal Agente de Investigação e Escrivão de Policia com 909 vagas e Nível Médio para os Cargos Efetivos de Papiloscopista, Técnico em Perícia, Necrotomista e Motorista Policial com 253, totalizando 1.162 vagas.

Cargos e Vagas Nível Superior: Delegado de Polícia – 33 vagas, Perito Oficial Criminal – 35 vagas, Perito Oficial Químico Legal – 16 vagas, Perito Oficial Médico-Legal – 26 vagas, Perito Oficial Odonto-Legal – 16 vagas, Agente de Investigação – 569 vagas, Escrivão de Polícia – 214 vagas. Nível Médio: Papiloscopista – 05 vagas, Técnico em Perícia – 24 vagas, Necrotomista – 24 vagas, Motorista Policial – 200 vagas
Remuneração Nível Superior: Delegado de Polícia – R$ 4.822,54 – Perito Oficial Criminal – R$ 3.839,64 – Perito Oficial Químico Legal – R$ 3.839,64 – Perito Oficial Médico-Legal – R$ 3.839,64 – Perito Oficial Odonto-Legal – R$ 3.839,64 – Agente de Investigação – R$ 1.585.86 – Escrivão de Polícia – R$ 1.585.86. Nível Médio: Papiloscopista – R$ 1.355.75 – Técnico em Perícia – R$ 1.355.75 – Necrotomista – R$ 1.355.75 – Motorista Policial – R$ 1.231,20.

Concorrência
O cargo mais concorrido no concurso da Polícia Civil é o de Delegado de Polícia, em João Pessoa, com 192,43 candidatos disputando uma das sete vagas oferecidas. Já o cargo com o maior número de candidatos inscritos é o de Agente de Investigação, em João Pessoa: 1.629, mas como dispõe de 116 vagas, a concorrência é de 14,04 candidatos. Em todo Estado o cargo mais procurado foi o de agente de investigação, num total de 4.888 candidatos inscritos nos diversos municípios onde estão distribuídas as 569 vagas.

Alerta aos candidatos
O CESPE/UnB comunica que será eliminado do concurso o candidato que, durante a realização das provas, for surpreendido portando aparelhos eletrônicos, tais como bip, telefone ceular, walkman, agenda eletrônica, notebook, gravador, receptor, máquina de calcular, máquina fotográfica, controle de alarme de carro, etc, bem como relógio de qualquer espécie, óculos escuros ou quaisquer acessórios de chapelaria, tais como chapéu, boné, gorro, etc. e, ainda, lápis, lapiseira/grafite, e/ou borracha. O candidato deve chegar ao local das provas com antecedência.

 

Secom-PB

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

CCJ aprova relatório de Veneziano a PL que amplia a punição por crime ambiental

No momento em que o Brasil se depara com um crime ambiental de grandes proporções, no caso o derramamento de petróleo que atinge o litoral nordestino, a Comissão de Constituição,…

ALPB debate incentivo ao ciclismo cidadão e mobilidade urbana

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realizou, nesta quinta-feira (17), audiência pública para discutir ações de incentivo, estrutura e segurança para a prática do ciclismo no estado. Proposta pelo deputado…