Preso na manhã desta quarta-feira (09) na 5ª fase da Operação Calvário na Paraíba, o secretário de Turismo Ivan Burity emitiu, por meio de sua assessoria, uma nota pública, um comunicado para informar sobre seu pedido de exoneração da função.

A decisão foi anunciada por meio de uma nota oficializada ao governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB).

No comunicado, Ivan justifica a decisão como sendo inevitável já que “o momento requer dedicação integral à minha defesa” Quem responderá pela pasta será o secretário adjunto.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

UFCG convoca 827 candidatos na 2ª chamada da lista de espera do SISU 2020.1

Estão sendo convocados 827 candidatos para o preenchimento de vagas remanescentes A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) divulgou na manhã desta segunda-feira, dia 17, a Segunda Chamada da lista…

Mídia nacional repercute elogio de Moro a operações da PF na PB

O site O Antagonista, conhecido nacionalmente por trazer à tona bastidores da política nacional e locais, trouxe publicação nas últimas horas destacando o elogio do ministro Sérgio Moro às operações…