O ministro do Desenvolvimento Social e Combate a Fome, Patrus Ananias, um dos nomes cotados pelo Partido dos Trabalhadores como alternativa para candidato a presidente em 2010, vem à Paraíba nesta quinta-feira (12). Entre seus compromissos, destaca-seo lançamento oficial do “Planseq Bolsa Família” – Plano Setorial de Qualificação Profissional Para Beneficiários do Bolsa Família. Às 10h00, ele se reúne com a secretária de Estado de Desenvolvimento Humano, Edina Guedes Wanderley, o prefeito Ricardo Coutinho, secretários e gestores municipais, no auditório da Procuradoria Geral do Trabalho – 13ª. Região para explicar sobre plano.

Em verdade, a agenda oficial do ministro foi organizada de forma a, também, possibilitar que ele apresente uma palestra no Instituto Ítalo Kumamoto, que o convidou há algumas semanas para participar de evento na Capital.

Na Paraíba, aproximadamente 423 mil famílias são beneficiadas pelo Bolsa Família nos seus 223 municípios. Os recursos empregados giram na faixa dos R$ 35 milhões, podendo variar de acordo com o número de famílias que entram e saem do programa todo mês. O Bolsa Família ajuda a movimentar a economia local e contribui positivamente para uma melhoria da qualidade de vida dessas famílias. A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano fica responsável pelo apoio técnico, capacitação e acompanhamento, além de monitorar o Programa Bolsa Família em âmbito estadual.

O Planseq Bolsa Família é coordenado pela Casa Civil do Governo Federal e pelos ministérios do Desenvolvimento Social e do Trabalho e Emprego. O plano foi idealizado para homens e mulheres com mais de 18 anos e que tenham pelo menos a quarta série do ensino fundamental completa. Os cursos oferecidos pelo Planseq Bolsa Família visam qualificar profissionalmente o indivíduo e prepará-lo para o mercado de trabalho.

O setor da construção civil – através de cursos de pedreiro, mestre de obras, azulejista, entre outros – foi o primeiro contemplado pelo Planseq, por ser essencial ao desenvolvimento econômico do país e por ter relação direta com as obras de infraestrutura do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento. Nas 26 capitais, incluindo João Pessoa, e no Distrito Federal também terão capacitações para a área de turismo, por ser um segmento em plena expansão no Brasil. Serão oferecidos os cursos de cozinheiro, barman, churrasqueiro, recepcionista, camareira, atendente de viagem e outros.

 

SECOM

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Justiça autoriza loja de artigos esportivos a funcionar no serviço de delivery

Durante o Plantão Judiciário, a juíza Maria de Fátima Lúcia Ramalho proferiu decisão nos autos da ação nº 0830549-79.2020.8.15.2001, determinando que o Estado da Paraíba e o Município de João…

Ana deixa secretaria de governo para concorrer à PMCG e agradece confiança de João

O prazo para candidatos deixarem seus cargos no governo, ou seja, se desincompatibilizarem, está chegando ao fim. Postulantes tem até o próximo dia 04 de junho. A pré-candidata à Prefeitura…