Por pbagora.com.br

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba reprovou, em sessão realizada  nesta quarta-feira (30), as contas relativas ao exercício de 2017 do prefeito de Sousa Fábio Tyrone Braga de Oliveira e da gestora do Fundo Municipal de Saúde, Amanda Oliveira da Silveira.

Foram dois exercícios de prestação de contas da prefeitura de Sousa. Nas contas de 2015 a Corte de Contas constatou excesso de servidores contratados por tempo determinado, sem as devidas justificativas, aplicação em saúde abaixo do índice constitucional e não recolhimento das contribuições previdenciárias.

Constatou-se que o município tem uma dívida de R$ 60 milhões com a Companhia de Água – Cagepa, mais R$ 9 milhões devidos à Energisa.

No exercício de 2017, já sob a gestão do prefeito Fábio Tyrone, permaneceram várias irregularidades. O TCE fez recomendações e encaminhará peças dos autos ao Ministério Público Estadual e Receita Federal.

Também foram rejeitadas as contas da gestora do Fundo Municipal de Saúde, Amanda Oliveira da Silveira, por não atingir o percentual mínimo de gastos em Saúde e empenhar e não pagar R$ 4 milhões em contribuições previdenciárias, no exercício de 2017.

A pena estabelecida é a aplicação de multa a Fábio Tyrone no valor de R$ 7 mil e a Amanda Silveira de R$ 2 mil.

Da decisão cabe recurso.

Confira a matéria na íntegra no site do TCE:

TCE-PB REJEITA AS CONTAS DE SOUSA, ALHANDRA E DIAMANTE. AS DE FAGUNDES, SOBRADO E CACIMBA DE DENTRO FORAM APROVADAS

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Paraíba ultrapassa as 3 mil mortes por Covid-19

A Paraíba, de acordo com boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (19), ultrapassou o número de 3 mil mortes em decorrência da contaminação pelo novo coronavírus (covid-19). Nesta segunda, foram registrados…

João destina R$ 3 milhões para o Bolsa Esporte incluindo os paratletas

Começam nesta terça-feira (20) as inscrições do programa Bolsa Esporte 2020, que integra as ações do Governo do Estado de incentivo à prática esportiva. O anúncio foi feito pelo governador…