Por pbagora.com.br

Duas pessoas foram presas suspeitas de traficar substância de venda proibida pela Anvisa, em Patos, no Sertão da Paraíba.
Foram apreendidos cerca de 102 recipientes com um solvente que tem a venda proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A apreensão aconteceu na quarta-feira (2), mas foi divulgada nesta quinta-feira (3).

A Polícia Civil recebeu denúncias anônimas de que uma carga com substâncias irregulares seria transportada de um depósito para uma casa na cidade. O produto apreendido é o diclorometano, utilizado em entorpecentes.

Após ser abordado, o homem que transportava o produto disse que levaria o material para um imóvel que pertence à mãe de um detento do Presídio do Serrotão, em Campina Grande, apontado por ele como o dono da substância.

O homem e a mãe do possível dono do produto foram encaminhados para Delegacia de Polícia Civil de Patos e autuados pelo crime de tráfico de entorpecentes.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Agora é lei: transportes públicos intermunicipais devem ser desinfectados

As concessionárias de transportes públicos intermunicipais deverão realizar semanalmente a desinfecção e a limpeza de seus veículos para contenção do novo Coronavirus (Covid-19) no estado da Paraíba. É o que…

Romero anuncia concurso para 107 vagas na Saúde e flexibilização de mais segmentos em CG

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, anunciou, através de uma live, na manhã desta sexta-feira, 7, concurso público com 107 vagas para a área de Saúde do Município. Durante…