As Polícias Civil, Polícia Militar e Energisa flagraram desvio de energia, o famoso ‘gato’, em uma fábrica de gelo de grande porte, no distrito industrial de Guarabira. A ação foi realizada após denúncias e estudos realizados pelo Centro de Inteligência do Departamento de Combate a Perdas de Energia, da Energisa. O proprietário foi preso em flagrante e encaminhado para delegacia local.
 
Agora, após constatado o furto, a Energisa vai levantar quanto de energia foi desviada e por quanto tempo. Conforme previsto no Código Penal, art. 155, o furto de energia é crime e o responsável pode ser condenado a até oito anos de reclusão e multa. “Além do crime, o Governo do Estado deixa de arrecadar mais de R$ 35 milhões por ano e a população perde com isso, uma vez que os valores poderiam ser revertidos em infraestrutura básica, como saúde e educação”, afirma Felipe Costa, gerente de Combate a Perdas.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

TRF5 funcionará em regime de plantão durante feriado da Semana Santa

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 vai funcionar em regime de plantão judicial, durante o feriado da Semana Santa, que vai desta quarta-feira (8) até o próximo…

Alerta: em três dias, cerca de 10.400 idosos usaram ônibus em CG

Em tempos de cuidados para evitar o contágio com o novo coronavírus, a Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP), voltou a apelar aos idosos para permanecerem em casa durante…