A PBGás iniciou a distribuição do gás natural canalizado para o MAG Shopping, localizado na orla marítima de João Pessoa. Nesta primeira etapa, 13 restaurantes localizados na Praça de Alimentação estão conectados ao gás canalizado dentro de um padrão de modernidade, conforto, segurança e eficiência.

Dentre os novos clientes PBGás estão restaurantes como Giraffas, Montana, Donatário, Texas Grill, Laça Burguer, Empóro do Grão e Jin JinWok, Habbib´s, BK, Pizza Hut, Yassay, Tasquinha do Tio e o Camarada Camarões, que será inaugurado em breve. Na Paraíba já são seis grandes shopping ligados ao gás canalizado (Manaíra e Mangabeira Shopping, MAG Shopping, Pátio Shopping, Partage Shopping e Luiza Mota). Para a instalação da rede de gás do MAG Shopping e do Conjunto de Regulagem e Medição (CRM), a PBGás investiu R$ 85 mil. A previsão é que o empreendimento consuma 8 mil metros cúbicos de gás ao mês, que representa o 3º maior consumo do produto neste segmento.

O engenheiro civil Assis Neto, que acompanhou o projeto de implantação do gás natural no MAG Shopping, afirmou que lojistas se mostram satisfeitos com a chegada do produto por oferecer algumas vantagens como o fornecimento contínuo, sem a necessidade de reabastecimento por caminhões, e a segurança, já que dispensa o armazenamento de cilindros e o empreendimento ganha mais espaço para estacionamento. O engenheiro também destacou que o fato do shopping estar localizado em uma área exuberante converge com a sustentabilidade do gás natural. “Ainda não temos informações fechadas, até porque iniciamos há poucos dias, mas também esperamos uma redução considerável da conta do gás, beneficiando os lojistas da praça da alimentação”, observou.

De acordo com a presidente da PBGás, Tatiana Domiciano, a adesão de mais um empreendimento de sucesso marca o momento de expansão do gás no segmento comercial, estando presente nos principais shoppings de João Pessoa e Campina Grande. Ela destacou que a PBGás vai fechar o ano com cerca de R$ 7 milhões em investimentos em expansão e saturação de rede de distribuição e que para 2020 estão previstos mais R$ 5,1 milhões em investimentos para a construção de 16 km de redes de gasodutos, aproximando ainda mais os serviços da PBGás da população.

O empresário do ramo de restaurantes, Germano Brasil, conta que já utiliza o gás natural em um restaurante no shopping Mangabeira há 4 anos e nunca passou por problemas como a falta de fornecimento ou problemas na chama dos fogões. “Como cliente do GLP e do gás natural, se tiver como optar, escolho o gás natural canalizado pelo seu fornecimento contínuo, por dispensar armazenamento de botijões e pela economia. Por isso, agimos junto à direção do MAG Shopping que acertou na escolha pelo gás natural para abastecimento da Praça da Alimentação do empreendimento”, avaliou.

 

Secom

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Debandada: pelo menos 16 prefeitos devem anunciar que seguirão com João

Pelo menos dez prefeitos filiados ao PSB na Paraíba devem deixar a legenda para seguir o mesmo rumo partidário que o governador João Azevêdo (sem partido). Na Câmara Municipal de…

Em Campina Grande: filho de policial é preso com veículo roubado

Um jovem, de 28 anos, que se identificou como filho de um policial militar, foi preso na noite de ontem, quarta-feira (04), após ser abordado durante uma blitz da Polícia…