Por Wellington Farias
Imagem ilustrativa

Ninguém se iluda, a dramática convivência com o maldito coronavírus ainda demora um bom tempo. Quem estiver pensando que o uso da máscara se tornará desnecessário a curto prazo está redondamente enganado, e pode até morrer.

Ainda não há vacina e nem um outro remédio preventivo contra a Covid-19. Portanto, até que a ciência descubra um remédio eficiente, estaremos o tempo todo sob a ameaça do coronavírus.

E tem mais: mesmo depois de descobertos a vacina pra prevenir e o medicamento pra curar, ainda teremos a ressaca dessa pandemia, ou seja, as economias combalidas, uma legião mundial de desempregados, milhares de famílias sofrendo a dor do luto, sem falar em mudanças outras que a sociedade haverá de enfrentar e que ainda não sabemos ao certo o que será.

 

‘Novo normal’

Historiadores, sociólogos e outros estudiosos têm tentado adivinhar como será o ‘novo normal’; que lições a humanidade vai extrair deste dramático quadro de pandemia, que o mundo tem enfrentado desde o final de 2019.

Há previsões para todos os gostos, mas só um terá a resposta exata: o tempo, o senhor da razão.

Filantropia

Está em vigor uma lei de autoria do deputado Nabor Wanderley que estabelece a doação de alimentos e de produtos de limpeza – com prazo da validade próximo do vencimento – pelos estabelecimentos comerciais, para entidades filantrópicas e órgãos públicos do Estado da Paraíba. A Lei nº 11.704/2020 foi sancionada pelo governador João Azevêdo. Poderão ser beneficiados órgãos públicos, casas de abrigo, asilos, instituições de caridade, casas de saúde, hospitais, escolas públicas e entidades filantrópicas.

Prazo

A validade de vencimento dos produtos não poderá ser inferior a 30 e o estabelecimento doador fará comunicação ao órgão de vigilância sanitária e ao Procon estadual para exame e constatação do conjunto de requisitos adequados à saúde pública.

 

Wellington Farias

PB Agora

Por Wellington Farias

Notícias relacionadas

Arrecadação do ICMS, IPVA e ITCD na PB cresceu em dezembro de 2020

A Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-PB) publicou, nesta quarta-feira (27), a 16ª edição do ‘Boletim Covid-19’, que traz dados, gráficos e análises da arrecadação da receita própria (ICMS, IPVA…

Procurador do MPT defende punição aos ‘fura-filas’ na vacinação

O procurador do Ministério Público do Trabalho, Eduardo Varandas, defendeu que haja punição a todos aqueles que furarem a fila da vacinação contra a covid-19 na Paraíba. Em entrevista concedida…