A Paraíba o tempo todo  |

Novo prédio do Restaurante Popular do Centro será entregue nesta segunda, em JP

 A boa qualidade de vida começa pela alimentação e, pensando dessa forma, a gestão municipal inaugura nesta segunda-feira (16), às 11h, a nova sede do Restaurante Popular do Centro da cidade. Localizado nas imediações do antigo prédio da unidade, no Parque Solon de Lucena (Lagoa), o mecanismo duplicará a capacidade de atendimento dos comensais. Hoje o equipamento possui 144 lugares. O novo prédio terá 300 assentos, dando uma maior comodidade para os que dele utilizam, reduzindo o tempo de espera na fila.

Outra melhoria na nova instalação é a preparação dos alimentos na própria unidade, em uma cozinha industrial que atende todas as normas técnicas preconizadas pela Vigilância Sanitária; contemplado a produção, manipulação e distribuição dos alimentos. Atualmente, o preparo da comida é realizado no município Cabedelo.

“Os alimentos são preparados em outro local, seguindo as normas técnicas da Vigilância Sanitária, e sua transferência é realizada com segurança, em caixas hotbox. No entanto, devido ao trânsito, atrasos para a entrega podem ocorrer. Com a cozinha funcionando no próprio restaurante, anula-se a possibilidade”, observou Lúcia Silva, diretora de Economia Solidária, Segurança Alimentar e Nutricional da Secretaria de Desenvolvimento Social da Prefeitura.

A coordenadora de Alimentação Nutricional dos restaurantes populares do município, Sabrina da Silva Carneiro, informou que o prédio atual do restaurante que funciona no Centro tem espaços (cômodos) fragmentados para atender os usuários. A nova unidade será similar ao mecanismo que funciona em Mangabeira, cuja instalação possui um só ambiente, oferecendo maior conforto.

Além de uma cozinha e de um prédio que oferecem a possibilidade de maior comodidade para os comensais, como a agilidade em servir a alimentação, o pátio externo da unidade é mais amplo, propiciando uma melhoria na fluidez da fila. O Restaurante Popular do Centro oferece, diariamente, mil e quatrocentas refeições, ao custo de R$ 1,00 para os comensais. A Prefeitura entra com a contrapartida da alimentação, sendo o valor de R$ 7,98 reais.

 

Secom-JP

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe