Na noite desta quarta-feira (13), uma mulher, de 44 anos, foi espancada por um homem,no município de Lagoa Seca, no Agreste paraibano. De acordo com a vítima, o agressor teria encontrado uma troca de mensagens entre ela e sua esposa, na qual ela estaria “incentivando-a” a deixá-lo.

Ainda segundo relato da vítima, o homem teria planejado o ataque e avisado ao seu irmão que iria matá-la. Em depoimento, a mulher declarou que notou o agressor passando por várias vezes no local onde ela trabalha horas antes da agressão. Segundo ela, ele estaria esperando que ela deixasse o local para atacá-la.

A noite, quando ela pegou um mototaxi, o homem teria fechado o condutor da moto com um carro e iniciado as agressões. Foram socos e chutes que só cessaram quando a vítima conseguiu subir novamente na moto e fugir do local. Ela acrescentou que chegou a ser perseguida pelo homem. A mulher acredita que o homem estaria disposto a matá-la.

As agressões teriam sido motivadas após o suspeito encontrar uma conversa em um aplicativo de mensagens entre ela e a companheira dele. Entre as mensagens estariam relatos de que a esposa do agressor expressava desejo de deixá-lo e a vítima a teria encorajado.

Ao tomar conhecimento das agressões, segundo a vítima, a esposa do homem teria ligado pra ela e confirmado que o homem teve acesso a conversa.

Segundo a polícia, o autor das agressões ainda não foi encontrado.
PB Agora
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Não havia fato jurídico que justificasse”, diz Jeová sobre impeachment

Deputado Jeová elogia decisão do presidente da ALPB em acatar parecer da Procuradoria Jurídica e arquivar pedido de impeachment “Parabenizo a decisão do presidente Adriano Galdino que acatou parecer da Procuradoria…

Número de mortes em acidentes de trânsito no carnaval 2020 na PB é o menor em quatro anos

O número de mortes em acidentes de trânsito no carnaval 2020 na Paraíba é o menor em quatro anos, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os dados foram divulgados pela…