Apesar das chuvas que caem em toda Paraíba e tem enchido rios e açudes, o Governo do Estado decretou no último dia 02, por 180 dias, um estado de emergência para 155 cidades afestadas por estiagens do ano passado.  Ao analisar essa situação o o meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (InMet), Flaviano Fernandes, deu bosas perspectivas para os paraibanos que estão nestas cidades em situação de emergência.

 

“O período chuvoso na região Semiárida da Paraíba vai até maio e a previsão é de que essas chuvas mais recorrentes devem continuar neste mês. Então, quem plantou mais cedo, entre janeiro e fevereiro, vai ter uma colheita melhor”, Fernandes.

 

 As recentes chuvas que cairam no Sertão como a de Patos, aumentou a capacidade dos açudes Farinha e Jatobá I que estão com mais de 20% da capacidade total.

 

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Eduardo Bolsonaro posta foto com rosto de Joice em cédula de R$ 3

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente da República, postou em suas redes sociais uma montagem onde aparece o rosto da deputada federal Joice Hasselman (PSL-SP) sobre uma…

Patriotismo: qual a importância desse sentimento para a nação brasileira

O livro “Triste Fim de Policarpo Quaresma” mostra o imenso amor que Policarpo sentia pelo Brasil, sua cultura e quão aquele homem lutava para enaltecer os costumes nacionais. Na realidade,…