As precipitações chuvosas que vem caindo na Paraíba, tem uma explicação e segundo a meteorologista da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), Marle Bandeira, as chivas não estão dentro da média para este período do ano.

“O período de chuvas é de fevereiro a maio [na parte oeste do estado], portanto, é normal que as regiões do Cariri e Sertão recebam água”, comentou Marle destacando também que a tendência é de que as chuvas ocorram dentro da média histórica no semiárido paraibano.

O reservatório Epitácio Pessoa, localizado na cidade de Boqueirão, no Carri da Paraíba, ganhou 17 milhões de metros cúbicos de água (m³) entre os dias 8 e 14 de janeiro de 2020, conforme dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa).

No dia 8, o reservatório estava com 14,72% do volume total, o equivalente a 70 milhões de metros cúbicos. Após as chuvas nas regiões do Cariri e Sertão do estado, até ontem dia 14, o açude chegou a 18,85% do volume total, com 87 milhões de metros cúbicos e uma alta de 4,13 pontos percentuais.

 

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Magistrado encaminha denúncia da Calvário pra Justiça Eleitoral e entra em colisão com MPPB

O ex-procurador do estado da Paraíba, Gilberto Carneiro, foi denunciado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) no âmbito da Operação Calvário pelos crimes de concussão e ocultação de bens. De…

Falta água em 13 bairros de JP neste domingo, diz Cagepa

A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) realiza neste domingo (19) uma manutenção na rede de abastecimento de água na Rua Rodrigues de Aquino e na Avenida Pedro…