O médico, identificado como Edvan Benevides morreu, na manhã desta sexta-feira (29), após ser esmagado pelo próprio carro, que estava estacionado sem o freio de mão puxado.

A vítima, que prestava serviços na comunidade rural de Gravata, no município de Mulungu estava no local para fazer um atendimento familiar, que é realizado justamente nas sextas feiras.

O veículo teria passado por cima dele, que morreu esmagado no local. As informações são do Portal Riacho.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

População reage a carreata jogando ovos, xingando e fazendo panelaço em JP

A população reagiu forte a carreata realizada neste sábado em João Pessoa. Jogando ovos, xingando e fazendo panelaço, os pessoenses reagiram com indignação a carreata. Promovida por apoiadores do presidente…

UEPB institui auxílio emergencial e garante pagamento de bolsas de assistência estudantil

A Administração Central da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) instituiu, por meio da Portaria UEPB/GR/0020/2020, um auxílio financeiro emergencial, a título extraordinário, de parcela única, para os alunos assistidos pelo…