Por pbagora.com.br

As mortes foram violentas. Esse é o resultado do laudo  pericial do Instituto de Polícia Civil (IPC) de Patos, que foi entregue às autoridades, ontem, segunda-feira (26), sobre o massacre de mais de 50 cães, no município de Igaracy, no Sertão da Paraíba.

O laudo entra em contradição com a declaração do secretário de saúde do município, que afirmou ter autorizado o sacrifício dos animais pelo procedimento de eutanásia.

Segundo a perita responsável, Michelle Nóbrega, as várias manchas de sangue existentes no local das mortes não deixaram dúvidas, além dos traumas nos animais.

Como o local do crime foi modificado, a perícia não conseguiu identificar quais objetos teriam causado as mortes dos cães.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Dois assaltos a residências são registrados em diferentes bairros de João Pessoa

Dois assaltos a residências foram registrados em diferentes bairros de João Pessoa. As duas invasões aconteceram entre a noite de quinta-feira (24) e a madrugada da sexta-feira (25). , Nos…

Supermercado terá que indenizar cliente que teve carro arrombado no estacionamento

A Terceira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba reformou sentença oriunda do Juízo da 8ª Vara Cível da Capital para condenar a empresa Companhia Brasileira de Distribuição, do…