Por pbagora.com.br

O Diário oficial de hoje traz a exoneração de Rafael Dantas Valengo, filho de Nadir Valengo, ex-juiz do Tribunal Regional Eleitoral, que atuou durante o processo de cassação do ex-governador Cássio Cunha Lima, em 2007. Rafael Dantas Valengo havia sido nomeado ontem para o cargo de Gestor de Programa Estruturante, símbolo CDS-3, com exercício no Gabinete do Governador.

A informação sobre a nomeação do advogado foi trazida com exclusividade pelo PB AGORA, nesta quinta-feira.

O PB agora veiculou matéria ontem “Continuam as premiações: Maranhão nomeia o filho de Nadir Valengo para cargo no Palácio” onde trazia detalhes da nomeação de Rafael, filho do ex-juiz do TRE.

O diário oficial de hoje traz de forma discreta a demissão a título de “tornar sem efeito ato governamental nº 2621.

Ato Governamental nº 2.764 João Pessoa, 12 de março de 2009.
O GOVERNADOR DO ESTADO DA PARAÍBA, no uso das atribuições que
lhe confere o art. 86, inciso II, da Constituição do Estado, c/c art. 13, § 6º, da Lei Complementar
nº 58, de 30 de dezembro de 2003,
R E S O L V E tornar sem efeito o Ato Governamental nº 2621, publicado no
Diário Oficial do Estado, edição do dia 12 de março de 2009.

Nadir Valengo ocupou vaga no TRE na cota da Ordem dos Advogados da Paraíba, assumiu o cargo na corte em 13 de novembro de 2006 e sempre atuou como advogado da Família Maranhão. Atuou em causas de interesse da irmã do governador, Wilma Maranhão, atual prefeita de Araruna. Valengo, aliás, também foi premiado na estrutura administrativa do município: exerce cargo de consultor jurídico da Prefeitura.

Durante o processo de cassação no TRE da Paraíba, a defesa do então governador Cássio Cunha Lima apresentou ações de suspeição contra a atuação de Nadir Valengo, mas não foram levadas em conta pela corte.
 

Clilson Junior

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Golpista usa nome de Aguinaldo Ribeiro para aplicar ‘golpe’ por SMS

Golpistas estão usando o nome do deputado federal Aguinaldo Ribeiro, do Progressistas da Paraíba, para aplicar um golpe, solicitando a confirmação de autoridades, amigos e políticos, via SMS, para um…

Corregedor Eleitoral disponibiliza Cartilha sobre a Propaganda para as Eleições 2020

Nesta quinta-feira (13), o desembargador Joás de Brito Pereira Filho, Corregedor do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, comunicou à Corte Eleitoral que “este ano, em razão da pandemia, não vai…