O governador José Maranhão anunciou durante entrevista a jornalistas da TV Tambaú que vai cuidar do Museu do Estado a ser instalado na Praça da Independência. Para isso pretende firmar parcerias com instituições e, inclusive, com o governo espanhol.

A recuperação do prédio onde deveria funcionar o Primeiro Museu do Estado foi paralisada pelo governo anterior, no entanto, Maranhão garantiu que os trabalhos serão retomados.

O governador disse que a história é o testemunho de gerações. Ele salientou que no Governo Maranhão II foram firmados vários convênios com o governo da Espanha que entrava com um terço do custo na restauração de peças e de monumentos históricos, citando entre eles o Convento de São Pedro Gonçalo. Naquela ocasião, salientou o governador, foi descoberto o alicerce da primeira capela da cidade de João Pessoa.

Entre as obras restauradas durante o seu governo, Maranhão enumerou a arquitetura colonial da Igreja da Avenida General Osório, bem como o seu anexo e também a Igreja de Mamanguape.

Maranhão disse que seu governo tem compromisso com a cultura paraibana e disse que João Pessoa tem um patrimônio histórico colossal, citando a Faculdade de Direito, o Palácio da Redenção, o prédio do Tribunal de Justiça e o prédio onde funcionou o Jornal A União, que foi demolido para a construção da Assembléia Legislativa.

“Vamos buscar essas parcerias, porque a Espanha tem interesse nesse restauro, porque toda essa arquitetura foi influenciada pelos espanhóis” disse.

Em relação ao novo sub-secretário de Cultura, o governador disse que Flávio Tavares tem uma grande credibilidade junto aos paraibanos, pois através dele a Paraíba se torna conhecida por sua arte. “A presença dele nos salões é muito respeitada” disse Maranhão ao elogiar Tavares.

 

Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Pai e filho são arrastados dentro de carro por correnteza de açude

Um pai que estava em um carro com o filho de apenas dois anos, tomou um susto na manhã desta segunda-feira (17) na cidade de Aguiar, no Vale do Piancó…

Adolescente de 14 anos morre afogado em Campina Grande

Um adolescente de 14 anos morreu afogado em um barreiro, na cidade de Campina Grande nesse domingo (16). Segundo as informações da família o jovem desapareceu no sábado (15), após…