Por pbagora.com.br

Após o sistema de biometria facial nos ônibus que circulam na capital ser implantado, o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa (Sintur-JP) vem acompanhando mensalmente o número de acessos irregulares de passageiros no transporte público.

No mês de dezembro de 2019 o número de acessos irregulares desses usuários nos ônibus de João Pessoa voltou a subir, de acordo com o Sintur-JP.

Foram analisados mais de 1,2 milhões de embarques de estudantes e passageiros com direito à gratuidade e este total, 7.523 passaram por auditoria, que resultou no bloqueio de 1.758 cartões do Passe Legal após a constatação de pessoas utilizando o cartão de forma irregular.

A orientação do Sintur-JP para os 1.685 estudantes e 73 passageiros com gratuidade que tiveram seus cartões bloqueados é que compareçam à sede do sindicato para regularizar a situação.

PB Agora

Notícias relacionadas

Opinião: além de incompetente, negacionista e genocida, Bolsonaro é mentiroso

O presidente Jair Bolsonaro – tido e havido como “mito” para uma tropa de pensamento curto – tem sido a soma de um pouco de tudo que é ruim e…

Tribunal de Contas da Paraíba celebra 50 anos de instalação

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba completa, nesta segunda-feira, 1º de março, 50 anos de instalação e funcionamento, com uma atuação marcante na fiscalização das contas públicas. O…