Quem não é comigo é contra mim. Foi no tom desse provérbio bíblico que o Partido Verde, em João Pessoa, iniciou as articulações para o fechamento da chapa majoritária na disputa pela sucessão municipal. Segundo o presidente da legenda na Capital, Lucélio Cartaxo, a receita é mais do que natural, por isso só permanecerá na gestão aqueles partidos que continuarem com o grupo governista no processo eleitoral deste ano.

“Vão permanecer na gestão aqueles partidos que vão está conosco. Que vai está no processo eleitoral. É natural isso. Ninguém vai está na gestão com partidos que fazem oposição a gente. Tem que ser com partidos que faz aliança conosco. É um processo natural do dia a dia”, esclareceu.

Para ele, a aliança atual não deve sofrer baixas, visto que a gestão apresenta resultados positivos e vem sendo aprovada pela população.
“Se o resultado não tivesse sido bom ninguém iria manter uma aliança. Mas como o resultado foi bom e a população está aprovando a gestão, então a lógica do que está dando certo é continuar. Claro que cada partido tem o direito legitimo de se reunir e tomar suas posições”, emendou.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Supermercado terá que indenizar cliente que teve carro furtado em estacionamento

Um supermercardo localizado no bairro da Torre, em João Pessoa, foi condenado a pagar a importância de R$ 3.000,00, a título de danos morais, em virtude do furto ocorrido dentro…

Humorista Renan da resenha recebe alta hospitalar após vencer a covid-19

Nesse domingo (12), o humorista paraibano Renan da Resenha recebeu alta hospitalar após vencer a Covid-19. Renan estava internado desde a semana passada em um hospital particular de João Pessoa.…