Por pbagora.com.br

Foi publicada na edição do Diário Oficial do Estado de sábado (10), uma nova lei de autoria do deputado estadual Wilson Filho (PTB) que define situações em que usuários do sistema de transporte coletivo, municipal e intermunicipal, podem definir locais de embarque e desembarque. Mulheres, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, com crianças de colo ou portadoras do Transtorno do Espectro Autista agora podem optar pelo local mais seguro e acessível após as 20h, em todas as cidades da Paraíba.

O projeto de Lei 70/2021 foi apresentado pelo deputado no dia 9 de março e foi sancionado pelo governador João Azevêdo. Vale destacar que os usuários só poderão requisitar a parada dentro do trajeto do ônibus. “Quando elaborei essa Lei pensei em oferecer ainda mais tranquilidade para a população e agilizar a mobilidade das pessoas que enfrentam dificuldades para se locomover”, afirmou Wilson Filho.

Após ser sancionado, as empresas de transporte coletivo terão 120 dias para se adequarem às normas. O descumprimento da lei deixa a empresa sujeita a multa no valor de três a 30 UFR-PB (Unidades Fiscais de Referência no Estado da Paraíba). “Reafirmo o meu compromisso em um mandato que busca elaborar leis que possam facilitar a vida das pessoas no dia a dia. Estamos abertos a escutar as demandas de todos no intuito de construir uma Paraíba cada vez melhor”, concluiu o deputado.

Assessoria de imprensa-Deputado estadual Wilson Filho

Notícias relacionadas

Detran-PB promove nova live na programação do Maio Amarelo

Seguindo a programação do Movimento Maio Amarelo, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) promove mais uma live, nesta quarta-feira (12). A partir das 10h, pelas redes sociais do órgão. O…

Bruno descarta aumento de tarifa ou subsídio direto às empresas de ônibus

O prefeito Bruno Cunha esteve reunido, na manhã desta terça-feira, 11, na sede da STTP, com representantes do Sitrans (Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros). Em mais uma rodada…