A Paraíba o tempo todo  |

Intimação da Previdência via Internet

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Um sistema desenvolvido por técnicos da Secretaria de Tecnologia de Informação do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba interligou o TRT com a Advocacia Geral da União, permitindo o envio de intimações eletrônicas aos procuradores federais, o que vai gerar facilidade no trabalho e, principalmente, agilidade na tramitação dos processos.

O programa desenvolvido na Paraíba permite a comunicação do Sistema Integrado de Controle das Ações da União – Siscau (da AGU), com o Sistema Unificado de Acompanhamento Processual – Suap (do TRT). Segundo os próprios procuradores federais, é o primeiro sistema desenvolvido no Brasil a permitir o envio de intimações eletrônicas.

Antes da intimação eletrônica, os procuradores tinham que se deslocar às Varas do Trabalho ou o processo ser remetido à AGU para o conhecimento dos procuradores. Agora, além de uma sala disponibilizada pelo TRT no Fórum de João Pessoa, o procedimento pode ser feito via internet.

O pioneirismo foi da 8ª Vara do Trabalho

No primeiro dia de funcionamento do E-intimação, a 8ª Vara do Trabalho de João Pessoa peticionou 7 documentos. Foi a pioneira na utilização da tecnologia.

A VT tem como titular o juiz Rômulo Tinoco dos Santos. A 2ª VT de Santa Rita também peticionou um documento no primeiro dia de funcionamento do E-intimação. O juiz titular da unidade é Antônio Eudes Vieira Júnior. Na semana passada, procuradores da AGU e do INSS foram recebidos no Fórum Maximiano Figueiredo pelo presidente do TRT, juiz Edvaldo de Andrade para acompanhar o início do funcionamento do sistema.

Assessoria de Comunicação

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe