O Hospital de Trauma de João Pessoa confirmou a morte cerebral do pedreiro Walmir Pedro de Brito, de 43 anos, atropelado no início da manhã do dia 1º, enquanto estava de bicicleta na faixa preferencial, no bairro de Quadramares.

De acordo com as informações a família já foi informada.

Walmir seguia para o trabalho no momento do atropelamento. No carro vinha um casal que voltava de uma festa de Réveillon.

A polícia investiga o caso já que há duas versões sobre quem estaria dirigindo o veículo no momento do atropelamento.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em passagem por JP, ministro do STJ defende juiz de garantias

Em passagem por João Pessoa nesta sexta-feira (17), o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Reynaldo Soares da Fonseca, defendeu a implantação do “juiz de garantias”, determinação do presidente…

Civis e militares ameaçam greve e governo pede “bom senso”

Representantes do Fórum das Entidades das Polícias Civil e Militar da Paraíba foram recebidos na última sexta-feira (17) pela equipe econômica do Governo do Estado com o intuito de avaliarem…