A Paraíba o tempo todo  |
CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Homem é preso após divulgar blitz da PRF em redes sociais na PB

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Um crime inusitado. Um homem foi detido após divulgar nas redes sociais que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) estava fazendo uma blitz no posto localizado no distrito de Santa Terezinha, em Campina Grande.

 

O acusado estava trabalhando como pintor nos serviços de reforma do posto da PRF e filmou a operação da obra e divulgou nas redes sociais.

Ao tomar conhecimento da filmagem, os policiais interrogaram trabalhadores da obra até chegar ao acusado que confessou o ato.

 

Ao verificar o celular de Amauri Alves, a PRF descobriu que o pintor integrava vários grupos WhatsApp voltados para alertar condutores sobre operações rodoviárias.

Ele foi conduzido para a Polícia Federal onde prestou depoimento e foi liberado.

 

Redação com TV Paraíba

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe