O governador João Azevedo (sem partido) se posicionou contrário à privatização de serviços da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa).

Segundo João Azevêdo, há uma lei que deve modificar o sistema e por isso ele é contra a privatização

– O sistema de água e saneamento vai passar por alterações porque essa lei será aprovada. Na Paraíba temos o subsídio cruzado. João Pessoa, Campina Grande, Cajazeiras e Guarabira garantem o tratamento das outras cidades, que são inviáveis [sozinhas]. A nossa briga é para que possamos avançar e que ele [o serviço] não seja privatizado – pontuou.

Durante entrevista, o governador criticou a prefeitura alegando que o gestor municipal está interessado apenas na rentabilidade da privatização.

– O prefeito está mais preocupado com a arrecadação que vai ter com a venda dos serviços da Cagepa, mas a água de Campina vem de Boqueirão. A prefeitura soltou um edital, suspendemos e vamos continuar lutando – frisou.

Romero – Diante da polêmica, o prefeito Romero Rodrigues (PSD), anunciou que pretende fazer consulta pública sobre gestão de água e esgoto em CG.

Romero reafirmou o constante diálogo da prefeitura com Cagepa, que está com a concessão expirada desde 2014.

– É bom que se diga, que nós fizemos, nesse período recente, 5 reuniões com a Cagepa, das quais eu participei de 3. Com o presidente da empresa, Dr. Marcus Vinícius, e duas na presença o Dr. Simão. Eles judicializaram o processo, ficou um pouco chato, mas aqui não tem mágoa de ninguém. Nós temos a obrigação, na condição de prefeito, de defender a cidade. A gente pode continuar dialogando, só depende deles, a nossa parte nós já fizemos – garantiu.

SL
PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Discordamos da filiação, mas respeitamos”, diz Anísio ao defender apoio do PT a João Azevêdo

Se depender dos esforços do deputado estadual Anísio Maia, o PT não só deve como vai permanecer na base que dá sustentação ao Governo João Azevêdo. Em entrevista nesse final…

Adolescente de 14 anos morre afogado em Campina Grande

Um adolescente de 14 anos morreu afogado em um barreiro, na cidade de Campina Grande nesse domingo (16). Segundo as informações da família o jovem desapareceu no sábado (15), após…