A Paraíba o tempo todo  |

Geraldo Medeiros refuta “segurança” do não uso de máscaras

O secretário de Saúde da Paraíba, Dr. Geraldo Medeiros, comentou as falas do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que afirmou ter solicitado ao ministro da Saúde, o paraibano Marcelo Queiroga, um parecer desobrigando o uso de máscaras para vacinados e pessoas que já contraíram a covid-19.

Medeiros refutou a segurança das duas possibilidades. Sobre a desobrigação para vacinados, ele afirmou que isso só seria possível em um cenário no qual cerca de 75% da população estivesse vacinada com a as duas doses.

“Essa atitude de tirar as máscaras só pode quando a doença adquirir caráter endêmico, de poucos casos durante o ano, que é o que ocorrerá com o novo coronavírus após a contenção da pandemia e conseguirmos a imunidade coletiva com a população em, pelo menos, 75%”, apontou.

Sobre o não uso da EPI em pessoas que já tiveram a doença, o secretário afirmou que mesmo após a recuperação, as pessoas ainda podem transmitir o vírus.

“Mesmo após adoecer as pessoas podem manter o vírus nas vias respiratórias, nariz e boca, e podem contaminar outras pessoas, por isso a importância do uso da máscara”, rebateu.

 

Da Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe