A Paraíba o tempo todo  |

Experiência do Orçamento Democrático Estadual é apresentada ao Consórcio Nordeste

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A edição totalmente digital do Orçamento Democrático Estadual nos anos 2020 e 2021 foi apresentada pelo secretário Célio Alves aos integrantes da Câmara Temática de Gestão Pública e Inovação do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste). Na oportunidade, ele expôs aos representantes dos demais estados nordestinos a exitosa experiência da Paraíba.

As audiências digitais nesses anos aconteceram exclusivamente de forma on-line, por conta da pandemia do novo coronavírus e registraram número recorde de participação. “148 mil pessoas acessaram a plataforma digital do ODE, desenvolvida pela Codata, e registram 338 mil sugestões de obras, programas, serviços e ações, influindo, assim, na tomada de decisões do Governo da Paraíba com relação aos investimentos públicos”, disse Célio Alves.

A plataforma digital permitiu o acompanhamento do processo em tempo real, garantido a inserção de segmentos vários da população, com a participação ao vivo do governador João Azevêdo e equipe de governo, dialogando diretamente com a população e prestando contas dos investimentos nas regiões.

Câmaras Temáticas – As Câmaras Temáticas do Consórcio Nordeste atuam de forma integrada para encontrar melhores soluções de financiamento, colaborar com informações para o Observatório do Desenvolvimento do Nordeste (ODNE), fortalecer institucionalmente o Consórcio, aumentar a conectividade entre os Estados, além de contribuir para uma gestão mais transparente, eficiente, eficaz e efetiva.

Consórcio Nordeste – O Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste) é uma entidade interestadual brasileira formada pelos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. 

Seu objetivo é promover o desenvolvimento sustentável e integrado da região, possibilitando conjuntamente a realização de compras públicas e a implementação integrada de políticas públicas, incluindo prestação de serviços públicos, como nas áreas de educação, comunicação, saúde, infraestrutura e segurança públicas.

Da Redação com Assessoria

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe