Por pbagora.com.br
A Polícia Federal prende o banqueiro Eduardo Plass em nova etapa da Operação Hashtag, desbodramento da Lava Jato no Rio de Janeiro.

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (30) a Operação Rastro que visa investigar desvios de dinheiro público na Paraíba e apesar de correr em sigilo, alguns nomes começam a ser ventilados como possíveis alvos da investigação.

Uma ex-secretária da cidade de Alcantil, no Cariri paraibano possivelmente estaria entre os investigados de acordo com as informações que começam a circular na região após mandado de busca e apreensão realizado na cidade de Boqueirão onde ela reside.

A operação corre em segredo de Justiça e a Polícia Federal informou que não vai conceder entrevista à imprensa.

PB Agora

Notícias relacionadas

Prefeito e vice-prefeito de Cabedelo lamentam morte de secretário da Defesa Civil; cidade terá luto de 3 dias

A Prefeitura Municipal de Cabedelo decretou luto oficial de 3 dias pela morte do secretário de Defesa Civil do município, Fernando Macedo. Macedo faleceu na manhã desta segunda-feira (8), vítima…

Bruno Farias lamenta fakes do prefeito de CG: “Não é hora de politicagem”

O líder da bancada governista na Câmara Municipal de João Pessoa, Bruno Farias (Cidadania), lamentou na noite deste domingo (07) declarações desatualizadas do prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima…