As regiões polarizadas pelas cidades de Esperança (3ª Região Geoadministrativa) e Solânea (2ª Região) sediam, nesta sexta-feira (12) e sábado (13), respectivamente, as próximas audiências públicas regionais do Orçamento Democrático Estadual.  Em Esperança, a audiência acontece a partir das 19h, no ginásio do Centro Social Urbano João Paulo I, e a de Solânea, às 16h, no ginásio de esportes Adauto Silva, localizado no Centro da Cidade. 

Para a audiência em Esperança devem participar representantes das cidades de Algodão de Jandaíra, Alagoa Grande, Alagoa Nova, Arara, Areia, Areial, Lagoa Seca, Matinhas, Montadas, Olivedos, Pocinhos, Puxinanã, Remígio e São Sebastião de Lagoa de Roça. Já a de Solânea os municípios de Araruna, Bananeiras, Belém, Borborema, Cacimba de Dentro, Caiçara, Casserengue, Dona Inês, Logradouro, Riachão, Serraria e Tacima. 

As plenárias do Orçamento Democrático contam com a presença do governador João Azevedo, e de toda a comitiva do governo, e é um momento em que as pessoas elegem as prioridades de investimentos para as suas respectivas regiões, além de quais obras, ações e serviços gostariam que fossem implantados ou melhorados em suas comunidades. 

A indicação das obras e prioridades pode ser feitas, também, antecipadamente à audiência, por meio do aplicativo ou site do Portal da Cidadania do governo. A validação dos votos apontados no aplicativo deve ser efetivada no dia da audiência, nos locais de credenciamento. 

O Orçamento Democrático Estadual já deliberou mais de R$ 10 bilhões em obras, ações e serviços demarcados nas peças orçamentárias, ao longo dos últimos anos de existência da ferramenta (2011 a 2018). O governador João Azevedo, nas audiências, tem prestado contas das ações do governo e anunciado uma série de obras em todo o Estado. 

As audiências públicas do Orçamento Democrático Estadual têm o objetivo de reunir as populações das regiões para dialogar sobre as prioridades de investimentos do Governo do Estado nas localidades. É a forma democrática de discutir os gastos públicos diretamente com a população e de prestar contas daquilo que foi e vem sendo investido pelo Governo do Estado nas regiões. 

As primeiras audiências já foram realizadas nas regiões de Itaporanga e Princesa Isabel e seguem até o mês de junho.O Governo do Estado realizará 17 grandes plenárias em todo o Estado.

PB Agora

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Paciente com covid irá para hospital privado quando não houver vaga no SUS

Os hospitais privados da Paraíba terão que internar pacientes infectados pelo novo coronavírus quando não houver vaga na rede pública de saúde da Paraíba. Essa é a lei 11.722, de…

João sanciona lei que obriga uso de máscaras em áreas comuns de condomínios

Ao todo, no DOE deste sábado, três leis foram publicadas com o objetivo de prevenir a disseminação da Covid-19 No Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (4), o governador…