O site de notícias ‘Estadão’ publicou matéria intitulada ‘Estados ricos têm expansão mais lenta de matrículas no tempo integral’, na qual destaca a Paraíba como o Estado que está em segundo lugar no Brasil em avanço de matrículas. Segundo a matéria, a Paraíba superou, já no ano passado, a meta de matrículas do Plano Nacional de Educação para 2024, com 25,1% de matrículas em escolas integrais. A meta é 25%.

O texto aponta que os Estados mais ricos são os que ampliam mais lentamente as matrículas nessa modalidade de ensino, e que os que mais têm avançado são os Estados do Nordeste, com destaque para Pernambuco, Paraíba e Ceará. A matéria pode ser acessada no endereço eletrônico https://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,ate-estados-ricos-tem-dificuldades-de-ampliar-ensino-integral,70003023742.

O Programa de Escola Cidadã Integral é um novo modelo de escola pública implantado na Paraíba em 2016. Atualmente, são 153 Escolas Cidadãs Integrais na Paraíba, das quais 68 escolas também são Técnicas, ou seja, oferecem cursos técnicos integrados ao ensino médio.

O programa tem como foco a formação dos jovens por meio de um desenho curricular diferenciado e com metodologias específicas, que apresentam aos estudantes do ensino médio possibilidades de se sentirem integrantes do seu projeto de vida. Essas escolas são organizadas com salas temáticas, laboratórios de informática, ciências e outros espaços de vivências, onde os jovens podem transitar, a partir do seu projeto de vida, em suas competências cognitivas e socioemocionais de forma a desenvolver as suas potencialidades.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Suposta “arapongagem” de grupo de RC contra investigadores é destaque na Veja

A revista Veja em sua edição online, trouxe nesta terça-feira (28) na coluna Radar o destaque para o esquema de “arapongagem” realizado pelo grupo do ex-governador Ricardo Coutinho contra investigadores…

João Azevêdo vai a Brasília para destravar empréstimos para a Paraíba, nesta terça

O governador Azevêdo participa, nesta terça-feira (28), de reuniões no Ministério do Desenvolvimento Regional, na Funasa e no Tesouro Nacional, em Brasília, com o objetivo de destravar os empréstimos que…