A Paraíba o tempo todo  |

Empreendimentos de luxo em Cabedelo teriam sido construídos com licença ambiental ilegal

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A Promotoria de Justiça de Cabedelo está investigando supostas ilegalidades na construção de dois empreendimentos de luxo localizados na Praia de Ponta de Campina. Os imóveis em questão são o Aqualux Resort Residence e o Paraíso do Atlântico.

De acordo com o promotor Francisco Bergsson Gomes Formiga Barros, responsável pelo caso, licenças ambientais e documentos públicos foram concedidos em favor das empresas em desacordo com a legislação.

“Os órgãos públicos envolvidos estavam concedendo licença ambiental em faixa costeira já urbanizada e loteada, mas que superavam a altura permitida pela Constituição do Estado da Paraíba”, destaca o promotor em trecho do despacho de instauração do inquérito.

A Secretaria de Meio Ambiente de Cabedelo tem 20 dias para enviar a cópia integral dos procedimentos administrativos de emissão de licença ambiental dos empreendimentos.

Confira:

 

Da Redação

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe