A médica Myrelle Carvalho, pediatra que estava de plantão na UPA Oceania no dia em que a menina Alice, de 3 anos de idade deu entrada na unidade de Saúde, emitiu nota onde detalha os fatos ocorridos desde a chegada da criança na UPA e posteriores deslocamentos da mesma entre os Hospitais João Paulo II, HULW e Trauma.

De acordo com o relato da médica a suspeita inicial era de que Alice estaria com quadro de meningite, mas posteriormente, após exames no HULW, foi detectado o AVC que levou a menina a óbito.

Ainda segundo a nota, a médica afirma que a menina em nenhum momento teria ficado desassistida, já que permaneceu sob os cuidados da sua equipe.

Leia na íntegra clicando aqui:  Nota médica UPA.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Apesar de decretos mais rígidos, primeiro dia de fiscalização gera trânsito emJP

Apesar do arrocho nas medidas de isolamento social em combate ao Covid-19, no primeiro dia de fiscalização e ação educativa estabelecidas no último decreto publicado pelo Governador da Paraíba, foi…

“Qualquer pessoa pode fazer a sua própria declaração” detalha procurador-geral de JP sobre barreiras sanitárias

Devido as medidas mais rígidas de isolamento social no intuito de diminuir a proliferação do novo coronavírus sobretudo na região metropolitana de João Pessoa, epicentro dos casos na Paraíba, barreiras…