Por pbagora.com.br

Um homem, até o não identificado, causou grande tumulto nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (16) no Centro de João Pessoa. Após assaltar um rapaz que aguardava um ônibus no Parque Sólon de Lucena, o assaltante foi perseguido por taxistas e, encurralado, resolveu pular na lagoa e nadou até a fonte central.

A Polícia foi acionada e tentou por várias horas negociar com o criminoso para que o mesmo retornasse às margens da lagoa e se entregasse. O meliante não recuou e permaneceu onde estava.

Cerca de duas horas depois, bastante irritada, a vítima resolveu tirar a roupa, ficando apenas de trajes íntimos e pulou na lagoa atrás do assaltante e seus pertences, mas não obteve sucesso.

Profissionais do Corpo de Bombeiros foram acionados e com a ajuda de um bote inflável se deslocaram até onde estava o criminoso, mas ficaram surpresos ao se aproximar e não encontrar o homem. Após vários minutos procurando, um dos militares notou que o meliante estava mergulhado e respirando com a ajuda de um canudo.

O acusado foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia, onde serão tomadas as medidas cabíveis.

 

Thiago Moraes

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Enivaldo acena para herança familiar como solução política em CG

No Brasil a herança familiar é fundante da política, definindo a composição do poder governamental e parlamentar em suas várias instâncias. Na Paraíba, além de ter o filho Aguinaldo Ribeiro…

Justiça frustra pedido de Coriolano e Márcia Lucena para retirar tornozeleira

O Superior Tribunal de Justiça negou nesta quarta-feira, dia 12, os dois agravos regimentais impetrados pelas defesas de Coriolano Coutinho, irmão do ex-governador Ricardo Coutinho e da prefeita de Conde,…