Por pbagora.com.br

Duas horas após arrematar, em leilão virtual, o HOtel Tambaú pelo valor de R$ 40 milhões, o Grupo Arnaldo Gaspar solicitou o cancelamento da compra. O documento foi encaminhado ao Juízo de Direito da 4º Vara Empresarial da Comarca do Rio de Janeiro.

Pelo valor de R$ 40,020 milhões, o Hotel Tambaú foi arrematado na tarde desta quinta-feira (29), durante leilão virtual. Este foi o segundo leilão realizado para a venda do hotel, já que no primeira o valor estipulado foi de R$ 133 milhões, mas não houve lance.

Leia também:
R$ 40 milhões: em leilão virtual, grupo empresarial do RN compra Hotel Tambaú

Quem assina o documento é o presidente do Grupo, Arnaldo Gaspar Neto. No comunicado, o empresário pede o “cancelamento de proposta de arrematação com pagamento parcelado”, mas não informa o motivo da desistência.

De acordo com informações publicadas pelo site Turismo em Foco o cancelamento do arremate é possível e não resulta em qualquer ônus para o grupo, porque os demais lances também foram cancelados dentro dos prazos legais.

A partir de agora, o juiz responsável deve analisar o caso e marcar uma nova data para que o leilão ocorra.

Confira documento:

Foto: reprodução

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Afastado do Tribunal de Contas da Paraíba há quase um ano, Arthur Cunha Lima pede aposentadoria

Afastado de suas funções do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB), há quase um ano, o conselheiro, Arthur Cunha Lima, entrou com um pedido de aposentadoria na Previdência Social da…

Candidatos a vice de Walber, Raoni e Ruy Carneiro se aliam a Nilvan no 2º turno

A base aliada MDB tem ganhado cada vez mais força na caminhada rumo ao segundo turno. Em uma reunião realizada no início da tarde de hoje (24), os candidatos a…