Por pbagora.com.br

Após adotar a versão eletrônica do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV Digital), o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) agora amplia esse serviço. A partir desta segunda-feira (15), os usuários que efetuarem o pagamento do licenciamento do veículo, no dia seguinte poderão solicitar a emissão do documento diretamente no site detran.pb.gov.br e imprimir em papel A4, na sua residência ou lan house. Tudo isso on-line, sem a necessidade de comparecer às unidades do órgão.

O novo serviço atende àqueles usuários com dificuldade de baixar o aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) nos seus smartphones. Desde o mês de abril, o CRLV Digital foi disponibilizado pelo órgão. “Após o licenciamento pago, o próprio aplicativo atualiza e permite a emissão e a impressão do documento”, explicou o gerente da Assessoria Técnica em Processamento de Dados do Detran-PB, João Holanda, acrescentando que, agora, esse procedimento também é possível através do site, tanto para pessoas físicas como jurídicas.

“O aplicativo CDT só permite a emissão para pessoas físicas. Por isso ampliamos para ser emitido também através do site, que permite o acesso e a impressão para pessoas jurídicas”, enfatizou João Holanda.

Passo a passo – Veja o passo a passo de como baixar o CRLV Digital diretamente do site: Clica no ícone “Emitir CRLV Digital”, que direciona ao Portal de Serviços do Detran-PB. Se não for cadastrado, faz o cadastro na opção “Criar conta”, colocando o número do CPF, a senha criada e acessa. Clica na aba “Veículos”, em seguida “Serviços” e depois em “Emissão do CRLV Digital”. Preenche os dados: placa, número do Renavam e o Código de Segurança do CRV (antigo DUT ou recibo) e, finalmente clica para baixar o documento.

De acordo com a Deliberação nº 180, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o CRLV Digital somente será expedido após a quitação dos débitos relativos a tributos (inclusive IPVA), encargos e multas de trânsito e ambientais, vinculados ao veículo, bem como o pagamento do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestres (DPVAT).

A versão eletrônica do CRLV traz todas as informações do documento impresso e tem a mesma validade jurídica do certificado físico. A autenticidade do documento é garantida pelo QR Code, que pode ser lido para verificar se há alguma falsificação no documento durante uma fiscalização de trânsito.

 

Redação com Secom/PB

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PL prevê restrições de salários para servidores que não se vacinarem

Um projeto de Lei de autoria do deputado estadual Ricardo Barbosa prevê que paraibanos ou residentes na Paraíba que sejam servidores estaduais ou de fundações, empresas, institutos e sociedades mantidas…

“Junho ou julho”: secretário de Saúde da Paraíba prevê vacinação de grupo não prioritário

Com base no Programa Nacional de Imunizações (PNI), o secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, acredita que as pessoas que não integram os grupos denominados prioritários só deverão ser…