Mesmo o país atravessando a mais lenta recuperação econômica, as vendas do comércio paraibano registraram crescimento pelo terceiro mês consecutivo. Segundo Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgada nesta quarta-feira (11) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o varejo registrou alta de 1,2% em julho, quando comparado ao mês anterior. É o terceiro crescimento consecutivo do setor da Paraíba no indicador, o qual vem crescendo acima da média nacional, que ficou em 1%. Nos meses de maio (0,4%) e junho (0,7%), a Paraíba também apresentou alta acima do país.

No ranking do Nordeste, as maiores taxas foram dos estados da Bahia (2,4%), Sergipe (1,5%), Alagoas (1,5%) e a Paraíba (1,2%). No país, a Paraíba alcançou o 8º maior índice. O Estado que liderou crescimento das vendas em julho sobre junho foi Mato Grosso (5,4%). No comércio ampliado, que analisa os segmentos de veículos, peças e materiais de construção, as vendas da Paraíba também expandiram (2,2%). Já as vendas de julho sobre o mesmo mês do ano passado ficaram estáveis (0,1%).

Na passagem de junho para julho, segundo o IBGE, sete das oito atividades pesquisadas tiveram alta nas vendas, com destaque para supermercados, alimentos, bebidas e fumo (1,3%), outros artigos de uso pessoal e doméstico (2,2%) e móveis e eletrodomésticos (1,6%).

Também apresentaram crescimento tecidos, vestuário e calçados (1,3%), artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (0,7%), combustíveis e lubrificantes (0,5%) e livros, jornais, revistas e papelaria (1,8%).

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

MPPB sedia lançamento do “Outubro Rosa”, nesta segunda-feira

O Ministério Público da Paraíba vai sediar, às 8h desta segunda-feira (23/09), a cerimônia de lançamento da Campanha Outubro Rosa, promovida pela ONG Amigos do Peito, em parceria com o…

Mais de 6 toneladas de produtos vencidos são apreendidos na Feira da Prata, em CG

Uma ação integrada envolvendo o Procon de Campina Grande, a Gerência de Vigilância Sanitária e as polícias Civil e Militar culminou com a detenção de um comerciante e a apreensão…