Por pbagora.com.br

O atendimento presencial nas Casas da Cidadania de João Pessoa e em outras três cidades foi retomado nesta terça-feira (22). Na Capital, o atendimento ocorre nos postos localizados nos shoppings Manaíra e Tambiá. As Casas da Cidadania das cidades de Campina Grande, Juazeirinho e Sumé também foram reabertas. Para ter acesso ao atendimento é preciso realizar o agendamento no site: portaldacidadania.pb.gov.br .

O secretário de Estado do Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira, comentou que o retorno dos serviços é gradual. “Reabrimos as Casas da Cidadania inicialmente com o atendimento prioritário para emissão de RG, mas também já estamos atendendo gradualmente a emissão de CPF e Carteira de Trabalho Digital. Começamos abrindo as casas que estão nos shoppings porque são locais que já estão mais estruturados. À medida que formos confirmando a redução de novos casos de Covid-19, vamos reabrindo as demais casas de João Pessoa e de outras cidades do interior”, adiantou.

O gerente executivo das Casas da Cidadania, William Tejo, informou que um programa de reabertura das demais casas vem sendo construído. “Estamos com a programação, ainda a confirmar, da reabertura das Casas de Cidadania de São Bento e Cuité. Dialogamos com os gerentes de cada casa, porque cada um conhece a sua realidade. Adequamos os protocolos sanitários estabelecidos pela Secretaria Estadual de Saúde às Casas de Cidadania e cada uma vem fazendo suas adaptações”, afirmou.

William lembra ainda que na Casa da Cidadania do Shopping Manaíra, o serviço da Polícia Federal também reabriu e vai funcionar no mesmo horário da Casa da Cidadania. Esse serviço para emissão de passaporte estava em implantação em Campina Grande, mas foi interrompido com a pandemia.

Nessa primeira fase da reabertura, em João Pessoa, as Casas da Cidadania instaladas nos Shoppings Tambiá e Manaíra, funcionam em horário reduzido, das 8h às 13h; já em Campina Grande, o funcionamento é das 9h às 14h.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mídia nacional destaca que João Azevêdo não foi alvo da Calvário

Os portais O Antagonista e Pragmatismo político, de repercussão nacional, também desmentiram a informação veiculada em outros veículos nacionais de que o governador João Azevêdo (Cidadania) teria sido alvo da…

Opinião: querem “apedrejar” o padre, mas não estamos vivendo a Lei de Moisés

Em nossa língua portuguesa, há um provérbio muito conhecido, que sofre pequenas variações a depender do local onde ele é pronunciado: “Quem tem telhado de vidro, não joga pedra no…